Sofrimento: Jornalista Santiago Roa há 9 dias na UTI do Cemetron

Fonte: Folha de Rondônia - Em Rondônia - 13/07/2019 15h 39min

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Sofrimento: Jornalista Santiago Roa há 9 dias na UTI do Cemetron

É grave o estado de saúde do jornalista Santiago Roa Júnior que está desde o último dia 4 de julho internado na UTI do Cemetron, em Porto Velho, capital de Rondônia. Santiago foi diagnosticado com meningite fúngica. Apesar de não-contagiosa, segundo a literatura da medicina, não é do tipo comum. Dias antes de ser levado para a UTI, Santiago reclamava de tonturas e chegou a cair, conforme foto postada por ele mesmo em uma de suas páginas nas redes sociais. Depois de uma bateria de exames, conforme ele mesmo descreveu para amigos íntimos e, por telefone a mim, um fungo havia aparecido em um exame feito na medula, cujo tratamento poderia levar meses, mas seria feito fora de ambiente hospitalar. 

Com a imunidade baixa, a meningite fúngica aflorou e Santiago foi internado às pressas na UTI. 

A Folha de Rondônia não teve acesso a nenhum Boletim Médico, mas faz parte da literatura médica que, todo caso de agravamento em uma UTI se deve, também, ao ataque de bactérias por conta da baixa imunidade do paciente. Uma pneumonia seguida de insuficiência renal é comum por conta até mesmo do tempo de internação – quanto mais prolongada estada em uma UTI, maior o risco. A dificuldade, no entanto, é quando o paciente não reage a medicação ou quando, somado a tudo isso, existe uma doença nada comum como uma meningite fúngica, por exemplo. 


Com bom humor, Santiago sempre enfrenta a luta dos quilinhos a mais que tem, e ainda faz propaganda do seu fígado fragilizado por uma hepatite que teve, aliás, descrito algumas vezes em seus stand up comedy. Esse problema no histórico do fígado do sempre bem-humorado Santiago Roa, não deixa de ser uma preocupação a mais dos médicos.     

Considerações do Editor 

Santiago Roa Júnior é um dos profissionais mais carismáticos e queridos do meio jornalístico que conheço. Além de um grande comunicador, professor universitário, humorista, músico, ator, compositor e percursor do gênero stand up comedy em Rondônia, Santiago é um ser humano especial, não apenas por sua inteligência e raciocínio rápidos, mas, pelo carinho e afeto que nutre pelos amigos. Uma de suas qualidades e a memória privilegiada: conhece todos pelo nome e ainda pergunta chamando pelo nome, sobre os filhos e a esposa dos amigos.  O drama por ele vivido nos remete à reflexão do quanto somos impotentes diante do inesperado de uma doença.


Tenho muito orgulho de ser amigo do Santiago Roa e conclamo aos amigos e a todos que o conhecem, que peçam a Deus que ele melhore e supere esse desafio imposto pelo destino. Que seus familiares, alimentados pela esperança e pela fé, saibam que não estão sozinhos nesta oração.

Roberto Gutierrez   

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
COMENTE
COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu. A DIREÇÃO