CRUELDADE: Madrasta é acusada de matar bebê de um ano espancada

Mulher disse que menina "caiu da cama", mas médicos disseram que lesões não são compatíveis.

Fonte: METRÓPOLES - Em Policial - 09/09/2019 17h 27min

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
CRUELDADE: Madrasta é acusada de matar bebê de um ano espancada
O óbito foi confirmado hoje às 9h15 pelo Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol).

Uma menina de apenas um ano morreu nesta segunda-feira (09/09/2019) em Goiânia (GO). A bebê pode ter sido agredida pela madrasta, de acordo com investigações preliminares. As informações são do portal G1.

 
A criança estava internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde quarta-feira (04/09/2019). O óbito foi confirmado às 9h15 pelo Hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol)

A bebê foi socorrida na semana passada na casa do pai e da madrasta, em Anápolis, também em Goiás. Desacordada e gravemente ferida, ela foi encaminhada ao Hugo pela equipe do Samu.

O caso chegou até o Conselho Tutelar e à Polícia Civil porque a equipe médica estranhou as lesões. A madrasta teria dito que a criança caiu da cama, mas os bombeiros desconfiaram.

A família da bebê está no Instituto Médico Legal (IML), de acordo com a conselheira tutelar Roselei Monteiro, que acompanha o caso. O resultado do exame, contudo, só sai daqui a cerca de 20 dias.
 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
COMENTE
COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu. A DIREÇÃO

Mais Notícias da Categoria: Policial