Após Lula, mais de 150 mil presos podem deixar a cadeia

Fonte: R7 - Em Policial - 10/11/2019 13h 58min

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
Após Lula, mais de 150 mil presos podem deixar a cadeia

O ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, foi um dos assuntos mais comentados nos últimos dias, por ter deixado a cadeia em que estava há quase dois anos, em Curitiba. O petista havia sido condenado em três instâncias, mas uma decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) fez com que ele fosse solto.

O STF decidiu, por meio de uma votação acirrada, em acabar com a prisão em Segunda Instância. O réu, desta vez, tem que ter todo seu processo tramitado e julgado para posteriormente ser preso. No caso de Lula, faltam algumas etapas para decidir se ele vai ou não para cadeia novamente.

Condenado a 8 anos e meio de prisão pelo TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4° Região), que aumentou a pena dada em Primeira Instância pelo ex-juiz federal, hoje ministro da Justiça, Sérgio Moro, Lula puxou uma fila muito grande de presos que poderão deixar a prisão.

Dentre os mais conhecidos que deixaram a cadeia está José Dirceu, que também foi preso por conta de crimes de corrupção. O petista se encontrou com Lula para uma reunião após ambos deixarem a cadeia.

Acontece que, além de Lula e alguns milhares de criminosos, está previsto, por alguns juristas, que cerca de 150 mil condenados também podem deixar a cadeia após esta decisão do STF.

Esta informação foi repassada por um blog do R7, onde o jornalista Augusto Nunes escreveu sobre Lula não estar livre, mas sim, somente, ‘solto’. Contudo, fãs do ex-presidente comemoram a sua soltura.

Por outro lado, Lula não pode retornar à política. A Lei da Ficha Limpa firma que aqueles que são condenados por corrupção, em Segunda Instância, não podem se candidatar à quaisquer cargos eleitorais.

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp
COMENTE
COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu. A DIREÇÃO